29 agosto, 2012

Oi gente, vim mostrar pra vocês uma base que estou amando, Extralasting Base Líquida de Longa Duração FPS 12

A minha cor é a mel 



  • Promete 18 horas de cobertura impecável. 
  • Base de cobertura perfeita, ultra confortável, que dura o dia todo. 
  • Não oleosa. Com FreshWear Complex - Pigmentos especiais que dão cor uniforme e naturalidade à pele
  • Indicada também para pele oleosa.

Estou amando e não fico mais sem!



27 agosto, 2012

A maquiagem certa pode fazer verdadeiros milagres no visual de uma mulher. Para isso, existem formas de combinar o tom da pele e do cabelo com as tonalidades do maque e arrasar tanto para uma balada quanto para ir ao trabalho. Confira as dicas deixadas pelo maquiador Sadi Consati:


mulher-negraDicas para as
 negras

Produtos cintilantes e metalizados deixa umcontraste bem marcante com a pele escura, mas o efeito fica lindo quando se quer um make de arrasar. Aposte nos brilhos para a noite e prefira as cores mais opacas para usar durante o dia, quando a discrição é quem manda.

Preparo: passe a base, o corretivo e o pó, sempre no tom da pele.
Blush: terracota ou castanho para o dia a dia ou bronze com brilho para um visual mais fashion.
Sombra: combine um verde-musgo mais fechado ou azul-cobalto, combinados com preto ou grafite. Para a balada, aposte nas cores metalizados. Sombras claras não aparecem muito, por isso, evite-as.
Batom: o chocolate e o vermelho puxado para o uva valorizam esse tom de pele.


Dicas para as ruivas

Como são branquinhas, as ruivas podem seguir os conselhos dados às de pele clara, mas a dica é não abusar muito das cores na maquiagem, pois o cabelo já tem bastante informação. Além disso, vale deixar as sardas à mostra. Se tentar cobrir, o make pode ficar carregado. Portanto, assuma as pintinhas como um charme que só você tem!

Preparo: use apenas corretivo nas olheiras e em imperfeições e arremate com o pó, sempre no tom da sua pele.
Blush: pêssego ou rosa bebê. Evite blush dourado porque deixa as sardas ainda mais em evidência.
Sombra: em tons de bege, creme ou marfim no centro da pálpebra e cantos internos, e sombra marrom mais suave nos cantos externos. Para a balada, prefira cores coloridas com brilho e cintilantes. O dourado, o rosa, os tons avermelhados e o acobreado ficam lindos.
Boca: um tom leve, como o rosa fosco ou o cor de boca e mesmo um vermelho-pink ficam lindos!

Dicas para as orientais

Com a maquiagem você pode criar o côncavo do olho, que é inexistente nas orientais. Na hora de esfumar a sombra escura, traga-a bem em cima do ossinho da pálpebra, de fora para dentro, criando uma profundidade. Além disso, siga as orientações abaixo para um make de arrasar:

Base: pêssego e rosado.
Blush: pêssego ou rosa bebê. Evite blush dourado porque deixa as sardas ainda mais em evidência.
Sombra: dê preferência a sombras foscas.
Boca: tons acobreados e avermelhados.


Fonte: Lunna


Em cozinhas integradas, eletrodomésticos, pias, pisos e acabamentos são feitos para serem exibidos, de preferência em harmonia com a sala de estar ou a de jantar.


Na mesma cozinha de um apartamento antigo e espaçoso, a arquiteta Claudia Haguiara criou duas ilhas de trabalho derrubando as paredes que separavam copa, cozinha e sala de estar. Uma delas, com pia e cooktop, é ideal para preparar e servir refeições rápidas. A outra, com coifa, cooktop e pia maiores, tornou-se um espaço confortável para o morador exercer receitas mais elaboradas. O cimento polimérico manchado deu um toque diferenciado à parede de concreto, coberta por uma grande estante que abriga forno elétrico, micro-ondas, livros de receitas e uma coleção de garrafas.


Para as arquitetas Isabela Jock Piva e Adriana Cocchiarali, um apartamento pequeno não admite espaços compartimentados. “Integrados, os ambientes têm pleno uso”, avisa Isabela. Seguindo esse conceito, elas desenharam uma bancada de ipê de 2 m de comprimento que, elegantemente, traz amplitude e integra a cozinha à sala. Ao lado do fogão, duas folhas de madeira se abrem juntas, criando uma porta em L e aproveitando o espaço em quina da cozinha de 7 m2.


Amante da culinária, o casal dono deste apartamento pediu aos arquitetos Conrado Heck e Rodrigo Briareu uma cozinha aconchegante, como se fosse uma extensão da sala de jantar. Madeira tauari foi a solução encontrada para os pisos e para a divisória que delimita os dois ambientes. Pastilhas pretas de vidro revestem o piso da área de trabalho e a parede da bancada. Para melhor aproveitamento do espaço, os armários foram feitos sob medida. E, como a cozinha é do tipo corredor, pia, fogão e geladeira ficam alinhados.


A integração entre sala e cozinha é ressaltada pelo piso contínuo de marmorite. Atendendo a um pedido dos moradores, que queriam espaços iluminados, claros, arejados e sem muitas paredes, os arquitetos Antonio Claudio de Souza Leite, Felipe Lobão Rudge e Flávia Martins pensaram até numa pérgula interna, coberta por uma placa de vidro afastada 10 cm da parede, por onde escorre água da chuva. O toque bucólico da casa é completado pelas amplas janelas sobre a bancada do fogão, que se abrem para uma área verde.


Sem excessos, esta cozinha conta apenas com itens essenciais, como geladeira, fogão e coifa. Integrado à sala de estar, o ambiente ganhou piso de cimento queimado com acabamento de pó de mármore branco. Para garantir maior funcionalidade e transparência, a arquiteta Letícia Nobell projetou uma bancada de laca com janela guilhotina de vidro. A combinação de cores, como o cinza e o branco, resulta num espaço contemporâneo.


Uma porta de correr de madeira laqueada separa a cozinha da sala de jantar. Ambas são amplas, mas a escolha de cores sóbrias, em tons de cinza, preto e bege, e madeiras escuras, como o jacarandá, deram ao projeto dos arquitetos Antonio Ferreira Jr. e Mario Celso Bernardes a mesma sensação de aconchego dos ambientes menores. Coifa e eletrodomésticos de aço escovado levam um toque de modernidade, que se completa com o funcional jogo de janelas basculantes.


Com a área de serviço empurrada para um lugar isolado após a reforma, a cozinha ganhou mais espaço. Para separá-las, a decoradora Maristela Gorayeb instalou uma porta de laminado à prova de umidade. O piso, que avança para a sala, é revestido de granilite, material à base de cimento e mármore, que, por causa das poucas emendas, dá a sensação de amplitude. Por estar colocada 26 cm abaixo do balcão de eucalipto entre a sala e a cozinha, a bancada da área de preparo das refeições proporciona maior privacidade. Quem fica do lado oposto não vê o que está sobre ela.


Assinado pelos arquitetos Paula Neder e Alexandre Monteiro, o projeto deste apartamento privilegia a integração total entre os ambientes. A criatividade fica por conta das portas e dos painéis de correr, que permitem uma ampliação de espaço e, ao mesmo tempo, um retorno à configuração original nas ocasiões mais formais, como desejavam os moradores. Na cozinha, por exemplo, quando está totalmente aberta a porta se alinha com a parede, provocando uma sensação de prolongamento do painel de frisos. Fechada, ela forma outro conjunto com a janela sobre a bancada.


Para integrar a cozinha ao living desta cobertura dúplex de 70 m2, ela foi construída no andar de cima. A solução encontrada pelo arquiteto Gustavo Calazans para reunir os dois ambientes foi incluir uma mesa de vidro quadrada (1,40 x 1,40 m), que deu leveza e permitiu que o móvel ficasse encostado na bancada do cooktop. Pela proximidade da cozinha com o estar, Calazans decidiu não colocar tapete sob a mesa de jantar.


Da sala à cozinha, os tacões de ipê do piso, cujo acabamento bisotado dispensa calafetação, compõem um equilibrado jogo entre o antigo e o moderno, imaginado pelo arquiteto Gustavo Motta. A mistura também se reflete no charme do refrigerador vintage e na mobília bem posicionada, que delimita os ambientes, onde couberam duas mesas de centro e a mesa de jantar.


Um médico baiano se apaixonou assim que entrou no apartamento de cobertura de 92 m² na capital paulista. Apenas a falta de incidência de luz natural o incomodava. Ponto negativo logo resolvido pelos arquitetos Alice Martins e Flávio Butti, que aumentaram para 3 m a abertura do terraço, antes ocupada por duas portas de 90 cm cada uma. Com essa solução, os ambientes estão mais iluminados e arejados. Num equilíbrio de tons, a mesma madeira que reveste a cozinha chega à sala de estar.


Cozinha compacta, aberta para a sala de jantar, com uma porta de correr que pode isolar o ambiente quando necessário, foi a ideia do arquiteto Marcelo Rosset para reformar e unir dois apartamentos de 50 m² a pedido de Isabel e Álvaro Delalamo. "Ficamos com uma sala grande, duas suítes e duas varandas. A sensação é de muito espaço, luz e um astral tranquilo”, resume Isabel.


O arquiteto Antonio Mantovani costuma brincar que virou especialista em espaços pequenos. Ele mesmo, morador deste apartamento dúplex de 55 m2, desenhou o projeto que derrubou a parede entre a cozinha e a sala. No ambiente culinário, escondeu a máquina de lavar louças sob uma bancada de 70 cm de profundidade, com tampo de marmoglass, material composto de pó de mármore e vidro. Na passagem livre entre os ambientes, o piso é de cimento queimado.

Fonte: CB


25 agosto, 2012

O FILME





Pôster do filme Gigantes de Aço

Gigantes de Aço

Titulo Original: Real Steel

Gênero: Ação, Drama e Ficção Científica
Duração: 127 min.
Origem: Estados Unidos e Índia
Estreia: 21 de Outubro de 2011
Estreia em DVD: 08 de Fevereiro de 2012
Direção: Shawn Levy
Roteiro: John Gatins e Leslie Bohen
Distribuidora: Walt Disney Pictures
Censura: 10 anos
Ano: 2011




SINOPSE

Uma história ousada, eletrizante e cheia de tensão ambientada em um futuro próximo quando o boxe se tornou um esporte de alta tecnologia, Gigantes de Aço é estrelado por Hugh Jackman no papel de Charlie Kenton, um lutador decadente que perdeu sua chance de ganhar um título quando robôs de aço de mais de 900 quilos e mais de dois metros e quarenta de altura entraram no ringue. Charlie, então um mero e insignificante promotor, ganha apenas o suficiente, juntando sucatas de metal de robôs, para passar de uma arena de boxe para outra. Quando Charlie chega ao fundo do poço, ele relutantemente se une a seu filho afastado, Max (Dakota Goyo), para construir e treinar um competidor para disputar o campeonato. Conforme as apostas na brutal arena sem limites aumentam, Charlie e Max, contra todas as probabilidades, têm uma última chance de dar a volta por cima.

CURIOSIDADES

- Do mesmo diretor da franquia Uma Noite no Museu.

Gigantes de Aço teve um orçamento de US$ 80 milhões.

ELENCO


  • Hugh Jackman
  • Dakota Goyo
  • Evangeline Lilly
  • Anthony Mackie
  • Kevin Durand
  • Hope Davis
  • James Rebhorn
  • Marco Ruggeri
  • Karl Yune
  • Olga Fonda
  • John Gatins
  • Sophie Levy
  • Tess Levy
  • Charlie Levy
  • Gregory Sims.

FOTOS

Gigantes de Aço Filme Gigantes de Aço Foto do Filme Gigantes de Aço Imagem do Filme Gigantes de Aço Imagem Gigantes de Aço
Photo Gigantes de Aço Filme Real Steel Foto do filme Real Steel Imagem Real Steel Photo Real Steel 


24 agosto, 2012
Oi pessoal, hoje vim trazer pra vocês 2 quartetos de sombras
 True Color da Avon
Coleção Luxo e Coleção Expresso


Coleção Luxo é linda, super pigmentada
Sombras em tons de rosa
Ideal para fazer make romântico 

Coleção  Expresso também muito pigmentada 
sombras em tons de marrom 
ótima para fazer make para o dia a dia 




23 agosto, 2012
Já faz um tempo que estou querendo uma Espadrille,
Então reouvir fazer um post mostrando alguns modelos.
Vem comigo!
Espadrilles Feminina Verão 2012 3 Espadrilles Femininas Verão 2012 
Tem diversos modelos como plataformas, anabelas ou nos mais baixos como rasteirinhas. 

A inspiração fashion para a estação quente, que foi febre entre os hippies
nos anos 70. As peças que possuem um salto de corda e a parte frontal de algodão. A peça surgiu na Espanha e começou a ser fabricada na Cataluña no fim do século XIV, inicialmente era uma modelo democrático, que não distinguia sexo, e se adequava tanto para homens quanto para mulher (mais isso era lá no século XIV!!!). Atualmente as Espadrilles ganharam novas formas, novos moldes, e porque não dizer, novos horizontes?



Você pode usá-las com vestidos, shorts, saias e calças!!! 
As opções de Espadrille são as mais variadas, escolha a que melhor combina com você e com seu estilo:
 


 
 
 


A cada ano que passa, as noivas estão mais ousadas e mostrando em seus vestidos que tem personalidade própria. Já foi o tempo em que todas as noivas, independente do seu perfil usavam o mesmo tipo de vestido. Hoje em dia, o tipo do vestido tem que descrever a cara e a personalidade da mocinha. E por isto, decidimos colocar idéias de vestidos de noivas com tom sobre tom, degradês e detalhes charmosos que fazem a diferença na hora do sim.

Espero que gostem e que façam a melhor escolha. Boa sorte!
Vestido de noiva tom sobre tom
Vestido de noiva tom sobre tom
Vestido de noiva tom sobre tom
Vestido de noiva tom sobre tom
Vestido de noiva tom sobre tom
Vestido de noiva tom sobre tom
Vestido de noiva tom sobre tom
Vestido de noiva tom sobre tom
Vestido de noiva tom sobre tom
Vestido de noiva tom sobre tom
Vestido de noiva tom sobre tom
Vestido de noiva tom sobre tom
Vestido de noiva tom sobre tom
Vestido de noiva tom sobre tom
Vestido de noiva tom sobre tom
Vestido de noiva tom sobre tom
Vestido de noiva tom sobre tom
Vestido de noiva tom sobre tom
Vestido de noiva tom sobre tom
Vestido de noiva tom sobre tom
Vestido de noiva tom sobre tom

Quem sou eu

Minha foto

 27 ANOS, MAQUIADORA, CASADA, BUSCANDO VIVER OS PRINCÍPIOS DE CRISTO.

Seguidores

Arquivo do blog

Instagram

Instagram

Fan Page

Tecnologia do Blogger.

Postagens populares